Públicos: uma nova classificação para as Organizações
PDF
EPUB
MOBI

Palabras clave

Organizações
públicos
comunicação
relações públicas

Cómo citar

Gimenes Cesca, C. G. (2014). Públicos: uma nova classificação para as Organizações. Revista De La Asociación Española De Investigación De La Comunicación, 1(2), 74-84. https://doi.org/10.24137/raeic.1.2.10

Resumen

As classificações existentes de públicos, criadas cada qual a seu tempo, muito contribuem para que as organizações mapeiem seus públicos. Entretanto, em tempos de globalização, avanços de informática, modernas técnicas de administrar, em que os mais variados tipos de terceirizações apresentam públicos com outras características, que não se enquadram nas classificações já existentes, é necessário, se não reformular o que já existe, pelo menos acrescentar. Assim sendo, apresentamos uma nova classificação de públicos, com base no vínculo jurídico-físico.

https://doi.org/10.24137/raeic.1.2.10
PDF
EPUB
MOBI

Citas

ANDRADE, C. Teobaldo, Psico-sociologia das relações públicas, S.Paulo, Loyola, 1989, p 13.

BUENO, Wilson da Costa. Comunicação empresarial. S.Paulo: Editora Metodista, 2014.

CESCA, Cleuza G. Gimenes. Comunicação Dirigida Escrita na Empresa -teoria e prática. 5ª ed. São Paulo: Summus Editorial, 2006, p.54.

________________Organização de Eventos. 11ª ed. São Paulo: Summus Editorial, 2008.

________________Relações públicas para iniciante. São Paulo: Summus Editorial, 2012

________________(ORG) Relações públicas e suas interfaces. São Paulo: Summus Editorial, 2006.

CESCA, Cleuza G.G., CESCA, Wilson. Estratégias empresariais diante do novo consumidor – relações públicas e aspectos jurídicos São Paulo: Summus Editorial, 2000, pp. 25, 26.

CAPRIOTTI, Paul . Planificación Estratégica de la Imagen Coorporativa. Barcelona: Ariel Comunicación, 1999.

CORNELLA, Alfons. Información Digital para la Empresa. Barcelona:Marcombo S/A, 1996.

CORRADO, Frank M. A Força da Comunicação. São Paulo: Makron Books,1994, p. 19.

FORTES, Waldyr Gutierrez. Relações públicas- processos, funções, tecnologia e estratégias. Londrina: Editora UEL, 1998, pp.158, 161,59, 174,

FREITAS, Maria Ester. Cultura Organizacional. São Paulo: Editora MaKron Books, 1991.

FLEURY, Maria Tereza e Rosa M.Fischer. Cultura e Poder nas Organizações. 2ª ed. São Paulo: Atlas, 1996, pp. 20, 26,24.

GRUNIG, James, FERRARI, Maria Aparecida, FRANÇA, Fábio. Relações públicas- teoria, contexto e relacionamentos. 2ª edição. S.Caetano do Sul: Difusão Editora, 2011

KOTLER, Philip. Maketing para o Século XXI. 5ª ed. Tradução Cristina Bazán. São Paulo: Editora.Futura, 2000.

KUNSCH, Margarida M.K. (ORG) Comunicação organizacional. São Paulo: Summus Editorial, 2009.

_____________________, (Org). Obtendo resultados com relações públicas São Paulo:

Summus Editorial, 2005. p.148

LLOYD, Herbert e Peter. Relações Públicas: as técnicas de comunicação no desenvolvimento das empresas. Lisboa: Presença, 1985.

MOTTA, Paulo Roberto. Transformação Organizacional. São Paulo: Qualitymark, l997, pp.25, 26.

OROSA, Gabinetes de Comunicación on line. Sevilla: CS-edicciones y publicaciones, 2009.

PENTEADO, J.R.Whitaker, Relações.Públicas nas empresas modernas, Lisboa, CLC, 1974, p 55.

RECORDER, Maria José, Ernest Abadal e Lluís Codina. Informação Eletrônica e Novas tecnologias. São Paulo: Summus, l996.

REGO, Francisco Gaudêncio Torquato. Comunicação Empresarial – Comunicação Institucional. São Paulo: Summus, 2002.

SIMÕES, Roberto Porto, Relações Pública - função política, 3ª ed., São Paulo, Summus Editorial, 1995, pp. 131, 57

SQUIRRA, Sebastião C. de Moraes. O Século Dourado – a comunicação eletrônica nos EUA. São Paulo: Summus, l996.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.